Campanha do Abraço mostra a importância do gesto na prevenção ao suicídio

Campanha do Abraço mostra a importância do gesto na prevenção ao suicídio

Alguns remédios não custam nada e podem salvar vidas: entre eles o abraço, o carinho e uma boa conversa. Esses gestos simples podem evitar que pessoas que estejam deprimidas, num momento de desespero, acabem com a própria vida. No Brasil, a cada cem mil habitantes, mais de seis cometem suicídio, segundo a OMS- Organização Mundial da Saúde.

Pensando em evitar esse tipo de morte, uma corretora de benefícios lançou a Campanha do Abraço neste Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Foram distribuídos milhares de abraços em empresas e um especialista revelou aos empregados o que acontece no corpo de quem é abraçado.  O clínico geral, Flávio Arruda, explica.

A coordenadora da campanha do abraço, Roberta Diniz, destaca como foi a iniciativa. E muitos brasileiros concordam que o abraço, a atenção e a conversa podem mudar a vida de pessoas deprimidas.

Além da campanha do abraço da corretora de benefícios, diversas ações ocorrem por todo o Brasil até o final deste mês para conscientizar as pessoas sobre a prevenção ao suicídio. As iniciativas são parte do Setembro Amarelo, que estimula atividades que evitem a morte de pessoas deprimidas, já que a cada dez suicídios, nove poderiam ser evitados com a ajuda a pessoa doente.

Fonte: Dayana vitor | EBC

Deixe uma resposta