Barba e bigode podem ser vetores do coronavírus? Saiba se é preciso raspar os pelos do rosto

Foto: Facebook Itapema Mil grau

Alguns homens amam ter barba e bigode, por serem símbolos de masculinidade. Mas será que os pelos no rosto podem reter o novo coronavírus? Uma mensagem espalhada pelas redes sociais convida aqueles que têm a tirarem. Tudo para reduzir a infecção que causa a Covid-19. Mas, será que existe base científica?

O novo coronavírus é transmitido pelas vias respiratórias e quando um homem que tem barba e bigode fala, tosse ou espirra, o vírus pode ficar retido nos pelos e sobreviver por horas, segundo o virologista da UFMG, Universidade Federal de Minas Gerais, Flávio Guimarães.

“A barba, o bigode, quando um homem fala e elimina as gotículas de saliva, essas gotículas ficam presas nos fios da barba e do bigode. Portanto, ele pode ser carreador de vírus vivos que ficam escondidos. E ao tocar na barba e no bigode, ou outra pessoa tocar essa superfície, ela pode se infectar com o vírus que está preso”.

Justamente o medo de ser contaminado pelo coronavírus, ao levar a mão ao rosto depois de tocar em superfícies suspeitas, fez Ronaldo Baphista tirar a barba agora durante a pandemia. Ele tinha os fios há três anos, mas percebeu que, com a barba, levava mais as mãos ao rosto.

“Eu percebi que realmente a barba fazia com que eu levasse mais a mão ao rosto. Eu tinha acabado de digitar a minha senha em uma maquininha de cartão de crédito e logo depois eu coloquei a mão na região do bigode. Ali eu percebi que a barba seria um vetor de contaminação”.

Adair Abreu sempre usou barba, mas resolveu tirá-la, por acreditar que seja uma forma de facilitar a contaminação pelo coronavírus.

“Com barba fica mais difícil. Nessa época de pandemia, eu acredito que menos pelos no rosto seria mais fácil o cuidado e a proteção. Aparar ou retirar a barba seria muito mais correto para a nossa proteção e a dos outro”.

Mas se você ama sua barba e bigode e não pretende tirá-los, o recomendável é redobrar a higiene para evitar a sua contaminação e a de outras pessoas. Evite pegar no rosto e lave-o com água e sabão sempre que possível. Dessa forma, pode manter o charme, sem ficar doente ou levar o coronavírus a outras pessoas.

Fonte: Por Dayana Vítor | EBC

Ouça o áudio: Barba e bigode podem ser vetores do coronavírus? Saiba se é preciso raspar os pelos do rosto

#Compartilhe #SaúdeGCR #CuidandoBemdasPessoas

Deixe uma resposta